Natal: Que em cada casa e família as crianças «se sintam amadas e felizes» – D. José Traquina

Santarém, 22 dez 2017 (Ecclesia) – O bispo de Santarém escreveu uma mensagem de Natal às crianças da diocese, onde faz votos de que os mais novos tenham sempre como presente uma família que os guarde e eduque no amor.

“Que haja em cada casa e em cada família um ambiente onde todos se sintam amados e felizes”, escreve D. José Traquina, num texto enviado à Agência ECCLESIA onde realça uma quadra que deve ser marcada pela “alegria” mas também pela conversão, pela “busca de novos comportamentos”.

O responsável católico aproveita para contar uma história aos mais novos, sobre “três pastores” que foram adorar o Menino Jesus na manjedoura, e a transformação que isso trouxe às suas vidas.

Depois daquele encontro, na Gruta de Belém, conta D. José Traquina, os pastores regressaram a casa com “uma luz permanente” no peito “e uma grande alegria”.

Chegaram à conclusão “que depois de tão grande privilégio de terem visto o Filho de Deus, as suas vidas tinham de ter outra graça e outro comportamento”.

“Então decidiram que não diriam mais palavras feias uns aos outros, deixariam de roubar fruta pelos caminhos por onde passavam e as suas ovelhas já não iriam pisar os terrenos não autorizados para a pastagem”, realça o bispo de Santarém aos mais novos.

“Além disso, seriam fiéis à oração todos os dias, mais delicados com os seus familiares e mais justos e sinceros com todas as pessoas. Assim decidiram e assim procuraram pôr em prática”, salienta.

Com esta história, D. José Traquina quer sublinhar que o Natal é também um tempo privilegiado para a “mudança de vida”, também para as crianças.

JCP

Agencia Ecclesia

COMPARTILHAR