Papa expressa dor por realidade de crianças-soldado: “uma tragédia!”

Por: noticias.cancaonova.com

Em um tweet, o Santo Padre lamentou que crianças sejam arrancadas de suas famílias para serem usadas como soldados

Da redação

O Papa Francisco, por meio de um tweet nesta segunda-feira, 12, lamentou o uso de crianças como soldados em países que vivem em combate. “É forte a dor que sinto pelas muitas crianças arrancadas de suas famílias para serem usadas como soldados. Isso é uma tragédia!”, disse o Sucessor de Pedro.

Dia 12 de fevereiro foi instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU) como o Dia Internacional Contra o Uso de Crianças-Soldado. Este recrutamento de crianças vem sendo criticado pela Igreja há tempos. Em 2015, o então Observador Permanente da Santa Sé junto às Nações Unidas em Genebra, Dom Silvano Tomasi, apontou que menores estavam sendo usados inclusive como escudo humano em ataques militares.

Leia mais
.: UNICEF pede libertação das crianças-soldado em Uganda

“O autoproclamado Estado Islâmico (EI) piorou ainda mais esta situação treinando e usando crianças como kamikazes, matando crianças de outras religiões e etnias, vendendo crianças como escravas, executando grandes números de meninos e outras atrocidades”, disse o arcebispo à época.

Em outra ocasião, em setembro de 2014, o Papa Francisco lastimou , ao receber bispos da República Democrática do Congo o uso de crianças que eram obrigados a se alistar em milícias. “Preocupa-me a situação difícil da juventude. De modo especial, penso com horror nas crianças e nos jovens alistados à força em milícias e obrigados a matar seus próprios compatriotas”, disse o Papa na ocasião.

O post Papa expressa dor por realidade de crianças-soldado: “uma tragédia!” apareceu primeiro em Notícias.

Notícias

COMPARTILHAR