Porto: Santa Casa da Misericórdia recorda bispo dedicado aos «mais desprotegidos da sociedade»

730x250

Porto, 13 set 2017 (Ecclesia) – O provedor da Santa Casa da Misericórdia do Porto lembrou a dedicação do bispo falecido segunda-feira, D. António Francisco dos Santos, “aos pobres” e que não tentava “impor-se às instituições” mas estava “sempre próximo, principalmente quando havia dificuldades”.

“A Misericórdia do Porto nunca há de esquecer nesse que foi o seu grande papel de alguém que se preocupou connosco e acima de tudo aquilo que era o seu magistério de influência que eram os pobres”, disse António Tavares aos jornalistas.

O provedor da Santa Casa da Misericórdia do Porto realça a “preocupação” de D. António Francisco dos Santos com os que eram “os mais desprotegidos da sociedade portuguesa”, que todos os dias estavam no seu pensamento e que “deviam estar no pensamento das instituições”.

O bispo do Porto tinha uma relação com a Santa Casa da Misericórdia “idêntica” à que tinha com todas as instituições, ou seja, uma relação de “grande proximidade e de conselho”.

“D. António não era ninguém que tentasse impor-se às instituições mas estava sempre próximo, principalmente quando havia dificuldades, obstáculos”, desenvolveu o provedor da instituição.

O corpo do bispo do Porto está hoje em câmara ardente até à celebração exequial, pelas 15h00, na Sé.

António Tavares recorda ainda “um homem bom, um homem que estava muito próximo das pessoas” e um pastor “fortemente empenhado” no sucesso da sua comunidade.

Para o provedor da Santa Casa da Misericórdia do Porto, D. António Francisco dos Santos tinha uma “política reformista” para diocese na “esteira do Papa Francisco” e o seu “desaparecimento abrupto, inesperado” deixa “grande saudades”.

“Espero que o exemplo possa continuar a ser uma referência para muitos de nós”, observou.

D. António Francisco dos Santos era natural de Tendais, no Concelho de Cinfães (Diocese de Lamego) e foi ordenado padre em dezembro de 1972; foi nomeado bispo do Porto em fevereiro de 2014, sucedendo a D. Manuel Clemente, e tomou posse a 5 de abril do mesmo ano.

PR/CB

Agencia Ecclesia

v01_ELETRONORTE_SUPERBANNER_CIRIODENAZARE_728X90PX (1)
COMPARTILHAR