Santuário da Penha ganha título de Basílica Menor

Cerimônia de elevação à Basílica Menor marcará 381 anos da Festa de Nossa Senhora da Penha

Da redação, com Gaudium Press

basilica penha rio

O Santuário Nossa Senhora da Penha, localizado na zona norte do Rio de Janeiro, receberá neste domingo, 2, às 10h, o título de Basílica Menor, concedido pelo Papa Francisco.

Na ocasião, a cerimônia pela elevação do Santuário à nova categoria marcará os 381 anos da festa da Padroeira. A devoção mariana, aliás, acompanha toda a história da cidade.

A Santa Missa de elevação será presidida pelo Cardeal Arcebispo Orani João Tempesta, que recebeu o documento pontifício datado de 16 de junho de 2016, enviado pela Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos.

Significado do título de Basílica Menor

Em entrevista concedida ao site da Arquidiocese do Rio de Janeiro, o reitor da nova Basílica Menor, Padre Thiago Sardinha, explicou o processo de elevação, a importância do título e a programação da festa.

Segundo o religioso, “o título de Basílica Menor é concedido pelo Santo Padre quando reconhece a dignidade de uma igreja dentro de três características: arquitetônica, histórica e de devoção popular”.

“O Santuário da Penha possui essas três características. O conjunto arquitetônico é bonito, deslumbrante e harmonioso. A história da igreja e da devoção faz parte da tradição da arquidiocese e da cidade, que neste ano celebramos 381 anos. A Festa da Penha sempre foi uma das principais do Rio de Janeiro, sempre com grande participação de fiéis”, disse o Padre Thiago.

Para o sacerdote, o título de Basílica Menor se refere ao fato de que “no mundo, temos apenas quatro basílicas chamadas maiores pela importância em relação direta ao Santo Padre. São elas: a Basílica de São Pedro, no Vaticano, e as Basílicas de São Paulo Fora dos Muros, de Santa Maria Maior, e de São João de Latrão (Catedral do Papa), todas situadas em Roma. Todas demais, no mundo inteiro, são chamadas de menores”.

Processo de elevação à Santuário

Ao descrever o processo para a elevação do Santuário à nova categoria, o reitor lembrou que seu antecessor, o Padre Serafim, “já tinha o desejo de transformar o Santuário em Basílica Menor. Ele já tinha reunido a papelada para pedir ao cardeal e, por consequência, ao Santo Padre”.

“Quando assumi o santuário dei prosseguimento reunindo os documentos que faltavam, e fiz o pedido a Dom Orani. No dia 16 de junho deste ano, o Papa Francisco concedeu o título através da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos”.

O título atribuído ao templo, conforme o Padre Thiago, “irá contribuir para estreitar os nossos laços com o Santo Padre, apesar de ser dever de todo católico”.

“De forma concreta, desde o mês de maio, todo último domingo do mês, em dois horários alternados, às 8h30 ou 14h30, estamos aprofundando os documentos pontifícios que falam a respeito da figura de Maria. Como reitor, é minha obrigação oferecer aos devotos e peregrinos o conteúdo de uma fé sólida no culto que a Igreja presta a Bem-Aventurada Virgem Maria”, acrescentou.

Festa de Nossa Senhora da Penha

Por fim, o presbítero informou sobre a programação dos 381 anos da Festa de Nossa Senhora da Penha.

Neste dia, a celebração terá início no dia 25 de setembro, às 8h, com carreata partindo da Paróquia São José Operário, de Magalhães Bastos. Em seguida, haverá missa às 10h. “A festa se estenderá durante todo o mês de outubro, com missas, almoço paroquial, ações de evangelização, pregações, louvores e eventos culturais”, destacou Padre Thiago.

Mais informações no site da Basílica: www.basilicasantuariopenhario.org.br

O post Santuário da Penha ganha título de Basílica Menor apareceu primeiro em Notícias.

Últimas Notícias – Notícias

v01_ELETRONORTE_SUPERBANNER_CIRIODENAZARE_728X90PX (1)
COMPARTILHAR