Arquidiocese do Rio de Janeiro tem novo bispo auxiliar

Por: noticias.cancaonova.com

Padre polonês Zdzislaw Stanislaw Blaszczyk, conhecido como padre Tiago, vai auxiliar Dom Orani Tempesta no governo pastoral

Da Redação, com CNBB e Arquidiocese do Rio

Ordenação episcopal de padre Tiago será em 25 de janeiro / Foto: CNBB

A Nunciatura Apostólica no Brasil comunicou nesta quarta-feira, 4, a nomeação de um novo bispo auxiliar para a arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro: padre Zdzislaw Stanislaw Blaszczyk, conhecido como padre Tiago. Assim, o Papa Francisco acolhe a solicitação feita pelo arcebispo local, Cardeal Orani Tempesta.

Até então, padre Tiago estava na paróquia São Pedro do Mar, no Rio de Janeiro. Sua ordenação episcopal será na Catedral Metropolitana de São Sebastião em 25 de Janeiro de 2020, festa da conversão de São Paulo, às 8h30.

Natural de Gdów, na Polônia, tem 50 anos de idade. Ingressou no seminário maior da arquidiocese de Cracóvia em 1988 e fez mestrado na Pontifícia Academia de Teologia, também em Cracóvia.

Recebeu a ordenação sacerdotal no dia 14 de maio de 1994, trabalhou como vigário paroquial nas paróquias São Pedro e São Paulo, em Bolechowice, e da Exaltação da Santa Cruz, na Cracóvia.

Em 2000, como padre missionário diocesano “Fidei Donum”, mudou-se para a arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro. Trabalhou como pároco na paróquia São Judas Tadeu, em Bangu. Atualmente, é pároco da paróquia São Pedro do Mar, no Recreio dos Bandeirantes, e integra o Conselho dos Presbíteros.

Saudação ao novo bispo

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) expressou sua alegria com a nomeação do sacerdote como bispo auxiliar para o Rio, destacando que isso reafirma o caminho missionário do padre e seu compromisso maior com a Igreja no Brasil.

“Neste Advento, assim como Maria acolheu o mistério de Deus em sua vida, manifestamos gratidão pelo seu sim a esta nova missão confiada pela Igreja e fazemos votos de que seu ministério seja abençoado e fecundo”, informa saudação da presidência da entidade.

O Cardeal Orani Tempesta também deu as boas vindas ao novo bispo auxiliar. “Desejo ao Monsenhor Tiago que a sua chegada, como importante colaborador de nossa missão de arcebispo metropolitano, nos ajude a ter um compromisso com uma Igreja missionária em saída, comprometida com os pobres, necessitados, com os que vivem em situação de miséria ou de vulnerabilidade, e disponível, totalmente voltado para o anúncio da Palavra de Deus, o testemunho vivo do Evangelho da Vida e um compromisso com uma Igreja acolhedora e misericordiosa formando comunidades eclesiais missionárias. Deus abençoe o seu ministério entre nós!”.

 

O post Arquidiocese do Rio de Janeiro tem novo bispo auxiliar apareceu primeiro em Notícias.

COMPARTILHAR